Metaverso criará milhões de empregos que ainda não existem segundo The DecentWorld Team

Construir algo tão ilimitado quanto um metaverso tem seus próprios desafios – um deles é o risco de se tornar rapidamente um deserto digital. Com o avanço da tecnologia blockchain, a criação do metaverso se tornou o foco de toda a indústria de tecnologia. Como evitar que um metaverso se torne desolado? DecentWorld, um metaverso imobiliário digital lançado recentemente, concordou em compartilhar sua opinião sobre como manter o metaverso divertido. 

Atuando como uma porta de entrada para o futuro, a DecentWorld permite que seus usuários explorem o metaverso através da aquisição, staking e negociação de NFTs de rua de imóveis virtuais. 

Ao contrário de outros players do mercado, a equipe DecentWorld se propôs a criar um metaverso baseado no mundo real, construído por engenheiros do setor altamente qualificados para garantir a mais alta qualidade em cada processo, fácil integração comercial e uma experiência de usuário divertida. 

Ambiente controlado para uma melhor experiência

Segundo a equipe da plataforma, o segredo por trás de um metaverso de sucesso é primeiro criar um ambiente controlado repleto de conteúdo de alta qualidade que agregue valor aos seus usuários; algo que seja fácil de navegar e tenha uma base digna de confiança para outras empresas se basearem.

“Criamos o metaverso DecentWorld com base em uma decisão muito bem calculada de ter controle total sobre ele, pelo menos nos estágios iniciais do projeto. A plataforma DecentWorld é construída por desenvolvedores internos, elaborando cuidadosamente cada etapa, também apoiando nossos usuários em cada etapa do caminho.
O oposto de um ambiente tão controlado é um espaço livre, onde nada é desenvolvido e os próprios usuários são habilitados a construir a plataforma. Embora tenha o seu próprio charme, também aumenta muito o risco de criar um deserto digital - um espaço que está cheio de tudo, mas ao mesmo tempo - nada de valor, esse tipo de deserto digital ”, explicou a equipe do DecentWorld.

A DecentWorld mantém o plano de longo prazo de se tornar um metaverso totalmente descentralizado, com APIs abertas para outros desenvolvedores e empresas ingressarem. No entanto, a equipe acredita que, antes de iniciar as integrações de terceiros, é importante estabelecer uma base sólida e profissional.

Metaverso em tempo real e interoperável

A equipe da DecentWorld diz que outro aspecto essencial do metaverso é a interoperabilidade. O DecentWorld é construído em torno da tecnologia blockchain avançada, que permite a propriedade no espaço digital. NFTs e criptomoedas são as ferramentas perfeitas para se tornarem os blocos de construção do metaverso em desenvolvimento. 

"Além de ser interoperável e intercambiável, o metaverso deve ser um render em tempo real um a um. Deve ser um mundo virtual 3D, síncrono e ter continuidade de dados. Sem esses aspectos, uma plataforma é apenas mais um videogame, " enfatizou a equipe DecentWorld.

Atualmente, os usuários do DecentWorld podem comprar versões virtuais de qualquer rua do mundo como NFTs, obtendo assim a propriedade total e certificada da mesma. A compra de Marcos, Edifícios e outros objetos também estará disponível em estágios posteriores, permitindo que os usuários tomem uma propriedade ainda maior dos ambientes do metaverso.

Futuros empregos para milhões

A DecentWorld compartilha que o que separa um metaverso bem-sucedido de um terreno baldio digital é uma economia em funcionamento. Uma economia que capacita indivíduos e empresas a criar, possuir, vender e ser recompensado por uma ampla gama de tarefas que produzem valor tangível para outros usuários do metaverso. 

A equipe da DecentWorld acredita que isso criará milhões de empregos que não existem no mundo agora e reimaginará completamente como os recursos são monetizados. 

“As economias digitais surgiram impulsionadas pela ideia de coletar ativos digitais para depois revendê-los em diversos mercados virtuais. Portanto, uma economia bem pensada é imprescindível para que um metaverso seja confiável e duradouro. 

Novamente, voltando à ideia de um ambiente controlado, achamos que essa foi a decisão chave que nos permitiu seguir em frente”, comentaram os criadores por trás do DecentWorld.
ARTIGOS RELACIONADOS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Publicidade

MAIS POPULARES