Direitos que aposentados do INSS têm e nem imaginam

Você sabia que a cada 10 aposentados 3 deles mal sabem os Direitos que aposentados do INSS têm e...

David Dias - 12 de janeiro de 2022




Você sabia que a cada 10 aposentados 3 deles mal sabem os Direitos que aposentados do INSS têm e nem imaginam como eles funcionam?

Existem três canais oficiais do INSS à disposição de todos que buscam solicitar a sua aposentadoria; Entre eles destaca-se o site Meu INSS, o telefone 135 e o aplicativo Meu INSS disponível nas principais lojas de aplicativo.

Para você ter acesso aos direitos que aposentados do INSS têm e nem imaginam, indicamos para você que tenha os seguintes documentos em suas mãos:

  • RG e CPF;
  • Requerimento do INSS preenchido;
  • Comprovante de residência atualizado a pelo menos 6 meses;
  • Comprovante de todos os tempos de serviço;
  • Carteira de trabalho.

Qual a novidade para os aposentados?

A novidade para os aposentados é que para aqueles que pagaram contribuições há mais de dez anos, vão poder continuar a ter um plano de saúde pelo tempo que desejarem; Ou seja se o empregado tiver contribuído por menos de 10 anos antes da aposentadoria chegar, cada ano de contribuição vai dar o direito a ele de mais um ano de serviço médico.

Outra novidade para os aposentados é que se a pessoa tem um financiamento relacionado à habitação junto a um banco e acabar vindo a se aposentar por invalidez permanente, o banco pode realizar o pagamento integral da dívida. Mas para isso dar certo é preciso ter aceitado o seguro contra invalidez no contrato feito com o seu banco.

Quais são as últimas notícias do INSS?

Entre as últimas notícias do INSS podemos citar que a Portaria no dia 28 de dezembro de 2021, publicou a prorrogação de prazos para realização da prova de vida e traz consigo o calendário que define as datas para os beneficiários que não realizaram o procedimento desde Ano 2020; Para mais informações clique em Prova de Vida

imagem/reprodução: pixabay.com

Quem é aposentado tem direito a garantidos?

O aposentado tem direitos garantidos legalmente e que muitos ainda desconhecem e por esse motivo não o exercem e ficam sem usufruí-los; Além dos 2 que já citamos acima existem ainda outros 5 garantidos em que o aposentado tem direito, estes são muito importantes e não muito praticados pelos brasileiros, confira abaixo:

Aposentado tem direito ao acréscimo de 25% na aposentadoria por invalidez, sacar o Fundo de Garantia de Tempo de Serviço é um direito do aposentado, o aposentado tem direito de solicitar uma revisão da pensão antes de decorridos os 10 anos de suas contribuições;

Aposentados com o ente querido já falecido podem solicitar a pensão por morte, sem contar que a prioridade na restituição no imposto de renda fica para aquele que já é aposentado.

Quem é aposentado tem direito ao PIS?

Se você não sabe o que é PIS para que ele serve, saiba que todo aposentado que trabalhou entre os anos de 1971 a 1988 tem o direito a uma cota de PIS/Pasep; Ele pode renunciar se não o fez no momento, para isso o saldo pode ser consultado em uma agência da Caixa acompanhado de seu CPF.

Como sacar o FGTS e o PIS após aposentadoria?

Para um aposentado poder sacar o seu valor de FGTS e PIS liberados é preciso que ele compareça primeiro até qualquer agência da Caixa Econômica e levar consigo os seguintes documentos:

Carta de Concessão da aposentadoria, RG/CPF, Carteira de Trabalho e o termo de rescisão caso ainda o possua; Depois que passar pela primeira vez na agência você pode movimentar o seu dinheiro através do aplicativo FGTS disponível na loja de aplicativos e transferir o dinheiro para qualquer conta de sua preferência.

Quem optou pelo saque aniversário pode sacar o FGTS em caso de aposentadoria?

O empregado que se inscrever no saque aniversário também pode sacar o seu saldo da conta do FGTS quando se aposentar; Entretanto, com o saque aniversário, é possível sacar apenas parte do crédito do FGTS e uma vez ao ano.

14º salário de aposentados: O que falta para sair?

A Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados adotou uma proposta no final de 2020 que, excepcionalmente, fará o dobro do pagamento do 13º em 2022 e 2023.

Dessa forma, o valor das parcelas fica limitado a até dois salários mínimos e as suas parcelas serão pagas aos beneficiários em março dos anos já anteriormente mencionados.

A proposta também estabelece um valor máximo limitado a dois salários mínimos por aposentado, ou seja atualmente esse valor corresponde a R$ 2.424,00.